27/11/2015

Não seja enganado durante a Black Friday

O Busca Descontos, responsável pela organização da Black Friday no Brasil, tem trabalhado para evitar que a data sirva para a criação de promoções fraudulentas. Mas o poder real de controlar as lojas está nas mãos dos consumidores; são eles que vão fazer pesquisas e, ao final do processo, dar o OK para finalizar as compras. Portanto, cabe a você, internauta, se cercar de cuidados.

A boa notícia é que neste ano ficou mais fácil descobrir eventuais ciladas, a começar pelo fato de que as lojas participantes do evento oficial, o que é organizado pelo Busca Descontos, contarão com um selo concedido pela Camara-e.net, a Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico.

O Busca Descontos, responsável pela organização da Black Friday no Brasil, tem trabalhado para evitar que a data sirva para a criação de promoções fraudulentas. Mas o poder real de controlar as lojas está nas mãos dos consumidores; são eles que vão fazer pesquisas e, ao final do processo, dar o OK para finalizar as compras. Portanto, cabe a você, internauta, se cercar de cuidados.

A boa notícia é que neste ano ficou mais fácil descobrir eventuais ciladas, a começar pelo fato de que as lojas participantes do evento oficial, o que é organizado pelo Busca Descontos, contarão com um selo concedido pela Camara-e.net, a Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico.Além disso, pelo menos três empresas oferecerão ferramentas capazes de detectar se os descontos são de fato reais. Uma delas é o UOL, que por meio do Shopping UOL fará um acompanhamento de acordo com as principais categorias da Black Friday. A ferramenta separou os setores mais buscados durante as últimas edições do evento, destacando os cinco principais produtos de cada para exibir a evolução dos preços ao longo dos últimos 30 dias. Acesse aqui

Estreante no mercado, a plataforma de negociação de preços Bizoo vai mais longe ao exibir o histórico de variação dos valores por até um ano. "Foi justamente a partir de uma Black Friday, em que eu senti dificuldade de ter um valor comparativo para saber se estava tendo um bom desconto, que surgiu a ideia de criar um mecanismo de monitoramento de preços das principais lojas do país", afirma Mauro Lopes, que chefia as operações. Acesse o Bizoo aqui

Sites para NÃO acessar durante a Black Friday

Antes de comprar algum produto, vale a pena consultar a lista do Procon-SP de sites que devem ser evitados. Os endereços que aparecem na 'lista negra' da entidade receberam reclamações de consumidores, foram notificados, mas não se pronunciaram ou não responderam ao comunicado.

Entre os principais problemas, estão o aumento gradativo dos preços dos produtos na época que antecede à Black Friday, para que no dia o desconto pareça grande; prazo de entrega muito maior do que o anunciado e produtos entregues diferentes dos que foram pedidos.

Acesse aqui a lista e saiba onde não comprar. 

Se você viu algum erro ou quer adicionar alguma informação ao nosso artigo, clique aqui

Os comentários postados a seguir, são de responsabilidade única e exclusiva de seus autores e não representam a opinião particular de nenhum integrante da Curiozone. Como uma forma de ser mais acessível a todos, nosso site usa a plataforma de comentários do facebook. Dessa forma, se você se sentiu ofendido com qualquer comentário postado, fica muito mais prático e rápido denuncia-lo ao próprio facebook clicando aqui. O sigilo é 100% garantido e sua denúncia sempre será anônima.
 
Copyright © 2017 Curiozone // Todas as imagens de filmes, séries e etc são marcas registradas de seus respectivos proprietários