01/01/2017

Em 2007 um soldado americano sobreviveu a 27 tiros de 4 homens da Al Qaeda e ainda conseguiu matar todos eles

Mike Day, um soldado da Marinha dos Estados Unidos (as principais forças de operações especiais americanas), foi baleado 27 vezes em 2007, enquanto servia no Iraque. 

Mike conseguiu sobreviver e está treinando agora, para correr a meia-ironman (uma modalidade de triatlo) em que o objetivo é arrecadar dinheiro para ajudar outros veteranos de guerra. 

Em 2007, quatro combatentes da Al-Qaeda abriram fogo quando Mike, o primeiro elemento da equipe, entrou na sala onde estavam os rebeldes perto de Falluajah, no Iraque, atingindo ele com 27 balas, 11 das quais foram paradas pela sua proteção.

Logo após o tiroteio, explodiu uma granada a apenas 10 metros do local onde Mike se encontrava e onde ficou inconsciente. Segundo Mike, quando acordou cerca de um minuto depois, ele ainda teria tido forças para agarrar na arma e matar dois dos rebeldes. Quando os ânimos acalmaram, ele conseguiu se levantar e de uma forma surpreendente ainda conseguiu andar até um helicóptero, que o levou para o hospital, onde permaneceu durante 16 dias. 


Antes de receber alta médica, o soldado americano foi premiado com a mais antiga condecoração militar dada aos militares americanos que se destacam na guerra, o Purple Heart. Durante os anos seguintes, recebeu tratamento devido às perturbações de stress pós-traumatico, no Carrick Brain Centers, no Dallas. 

Mike garante que o maior objetivo que tem é cuidar e levar os irmãos feridos para a instituição que o acolheu. Para conseguir angariar algum dinheiro, terá de nadar 1,9 quilômetros, fazer cerca de 90 quilômetros de bicicleta e correr outros 20 no menor tempo possível. O prêmio é a gorda quantia de 60 mil euros.

Caso queira ver o relato de Mike, basta assistir a entrevista dada por ele a CBN News:


Fonte: Dailymail
Se você viu algum erro ou quer adicionar alguma informação ao nosso artigo, clique aqui

Os comentários postados a seguir, são de responsabilidade única e exclusiva de seus autores e não representam a opinião particular de nenhum integrante da Curiozone. Como uma forma de ser mais acessível a todos, nosso site usa a plataforma de comentários do facebook. Dessa forma, se você se sentiu ofendido com qualquer comentário postado, fica muito mais prático e rápido denuncia-lo ao próprio facebook clicando aqui. O sigilo é 100% garantido e sua denúncia sempre será anônima.
 
Copyright © 2017 Curiozone // Todas as imagens de filmes, séries e etc são marcas registradas de seus respectivos proprietários