Se conecte com a gente

Aconteceu

Cafeteria feminista da Austrália que cobrava 18% a mais para homens fecha as portas

A empresa fez um anúncio no Facebook revelando que estaria fechando suas portas no domingo

Publicado

no

Não durou muito tempo. Depois de ser inaugurado em 2017, a cafeteria Handsome Her, que tinha como principal proposta cobrar 18% a mais de clientes do sexo masculino pelo mesmo serviço, está fechando as portas. De acordo com a empresa, a proposta do “imposto de gênero era fazer as pessoas entenderem sobre a diferença salarial.

No café, três eram as regras rígidas: “As mulheres têm assento prioritário”, “Os homens receberão um “prêmio” de 18% para refletir sobre a disparidade salarial entre homens e mulheres”, e “respeito nos dois sentidos”.

Em um anúncio no Facebook, a empresa fez um anúncio revelando que estaria fechando suas portas no domingo.

Publicidade
1 Comentário

1 Comentário

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade
Publicidade

Em Alta