Se conecte com a gente

Tecnologia

Plataforma para ofertas de emprego é lançada nos EUA mas apenas para quem não lacra

Plataforma se propõe a ofertar emprego mas apenas para pessoas que não são ativistas.

Publicado

no

Foto: Reprodução/Google

Nos últimos dias o lançamento de um portal de recrutamento direcionado apenas para conservadores, libertários e “pessoas não-socialistas de forma geral” gerou uma grande polêmica nos Estados Unidos. O site unwoke.hr é uma plataforma que se propõe a fornecer tanto para empresas, quanto para empregados a possibilidade de fazerem contratos somente com pessoas sem viés de esquerda. “Contrate pensadores, não ativistas”, diz o site.

Plataforma unwoke

Tanto a empresa contratar alguém que não tenha pensamentos políticos ativistas, quanto a pessoa não procurar emprego em uma empresa esquerdista parece algo simples, afinal de contas o ato de contratar alguém como o ato de aceitar trabalhar para alguém é voluntário e as pessoas fazem apenas se quiserem.

Portanto dessa forma, na teoria, para a maior parte dos empregadores e funcionários isso já existe. Isso porque de acordo com especialistas, o empregador que seja conservador já recusa hoje o candidato muito progressista, da mesma forma que uma pessoa que seja muito conservadora já evita hoje trabalhar em um local de trabalho que seja muito progressista.

As pessoas têm suas preferências e exercem elas justamente no momento que realizam ações voluntárias como procurar trabalho ou contratar alguém, ou mais ainda quando compra um produto ou vendem um produto ou serviço.

Ativistas não gostaram da ideia

O site como já era esperado, por conta da ideia polêmica, acabou chamando atenção de ativistas que “cancelaram” o site alegando que sua proposta é absurda, além de promover discriminação e preconceito. Além disso, o site também sofreu um ataque hacker que o deixou fora do ar por alguns minutos.

Assista o último vídeo do canal:

Publicidade
Click para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade
Publicidade

Em Alta