Se conecte com a gente

Aconteceu

Baixa audiência das transmissões do Brasileirão 2021 acende sinal de alerta na Globo

Em São Paulo, principal referência, os números são considerados ruins. Nem clássicos chamam a atenção do público.

Publicado

no

Temendo perder dinheiro com as vendas de pacotes comerciais para 2022, a Globo acendeu o sinal de alerta ao avaliar como ruins os números de audiência das transmissões do Campeonato Brasileiro 2021. De acordo com informações do site Notícias da TV, os números com a avaliação, são de São Paulo, tida como principal referência para o mercado publicitário.

Dados do Ibope na Grande São Paulo, mostraram que a média do Campeonato Brasileiro, depois de 15 jogos exibidos, é de 18,3 pontos. São três pontos a menos do que as partidas haviam alcançado na temporada 2020 (21,1 pontos) e cinco abaixo de 2019 e 2018 (23,0 pontos).

Com as 11 partidas exibidas nos finais de semana (sábado e domingo), a Globo tem média de 17,9 pontos. No meio de semana (quarta e quinta), a emissora melhora um pouco seus números, com 19,5 pontos, mas ainda assim abaixo de um índice considerado interessante internamente.

Narrador Galvão Bueno.

O que mais chama a atenção neste ano são os desempenhos ruins dos clássicos. No último domingo (8), Santos x Corinthians alcançou apenas 18 pontos. Palmeiras x Santos, mostrado em 10 de junho, conseguiu 14 pontos na tarde de sábado –praticamente a mesma marca que o Caldeirão do Huck costuma fechar.

Até agora, o recorde de audiência do futebol na capital paulista foi atingido com Flamengo x Palmeiras, jogo inaugural do Brasileirão em 2021, exibido em 30 de maio –a partida marcou 23 pontos. Nenhum dos quatro grandes clubes paulistas conseguiu ultrapassar a marca de 20 pontos de média.

São duas as explicações internas na Globo que ajudam a entender o momento difícil do Brasileirão. A primeira deles é o baixo nível técnico das pelejas. Alguns jogos são enfadonhos, um convite para o torcedor fazer outra coisa, como assistir a outros esportes ou ver um filme.

Um exemplo dessa tese foi o já citado Santos x Corinthians do último fim de semana, considerado um dos piores jogos do ano. Das 15 partidas que a Globo exibiu neste ano do Brasileirão, seis terminaram só com um gol na partida ou em 0 a 0.

Rede Globo perdeu maioria dos direitos de transmissão de eventos esportivos que rendiam grande audiência.

Outro ponto é a fase ruim dos programas que antecedem os jogos. No horário das 21h, a reprise de Império é uma das piores audiências no horário em todos os tempos. A trama do comendador José Alfredo (Alexandre Nero) tem média de 26,7 pontos e com frequência marca menos do que o Jornal Nacional.

Já nos domingos, o The Voice Kids tem média de 11,9 pontos –a pior do programa desde sua estreia, em 2016. Sem uma boa entrega, não tem clássico que faça milagre.

O maior temor da Globo é perder dinheiro com os anunciantes do futebol. O seu pacote comercial para as transmissões é o mais valorizado da televisão brasileira. Em 2021, ele foi vendido por R$ 1,8 bilhão.

Sem ter torneios que possam alcançar recordes, como a Libertadores da América, a Globo teme que anunciantes queiram pagar menos para ter suas marcas exibidas na programação. As vendas do pacote comercial do futebol em 2022 deste pacote começam nas próximas semanas.

Veja a média de audiência dos times paulistas no Brasileirão:

São Paulo: 19,8 pontos
Corinthians: 19,2
Palmeiras: 17,6
Santos: 15,0

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Em Alta