Se conecte com a gente

Aconteceu

Cristiano Ronaldo é vítima de golpe de quase R$ 2 milhões no cartão de crédito

Publicado

no

Uma agente de viagens foi acusada e condenada em Portugal por aplicar um golpe de cerca de 288 mil euros (equivalente a quase R$ 1,8 milhões) no cartão de crédito do craque Cristiano Ronaldo.

De acordo com informações do portal R7, a golpista trabalhava em uma agência de viagens que faz atendimentos especiais para jogadores de futebol e grandes personalidades que precisam de condições especiais para viajar com a família.

Como oferecia esse serviço, a mulher tinha acesso aos cartões de Cristiano Ronaldo e outras personalidades do futebol.

Cristiano Ronaldo com as mãos na cabeça.

Com a confiança dos jogadores, em um período de três anos, entre 2007 e 2010, a mulher desviou da conta bancária de Cristiano Ronaldo o pagamento para cerca de 200 viagens que ele nunca fez.

Conforme a imprensa portuguesa, a mulher foi para os bancos dos réus em 2017, e foi condenada a pena de quatro anos, além de ter sido obrigada a ressarcir todo prejuízo financeiro que ela deu para as vítimas.

Além de Cristiano Ronaldo, a agente de 53 anos deu golpe em outros jogadores portugueses, como Nani e Manuel Fernandes. Esses dois teriam sofrido prejuízo de cerca de 350 mil euros (equivalente a R$ 2,1 milhões).

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Em Alta