Se conecte com a gente

Aconteceu

Jornalista na GloboNews choca ao falar sobre Carnaval: “Uma menina morreu, mas tem a festa”

Jornalista minimizou morte da menina Raquel Antunes da Silva, de 11 anos.

Publicado

no

A naturalidade com que o jornalista Marcelo Cosme, da GloboNews, falou sobre a morte de Raquel Antunes da Silva, de 11 anos, no carnaval chocou internautas na última quinta (28), quando o trecho do programa Em Pauta do canal pago de notícias da Globo viralizou nas redes sociais.

O trecho em questão é da edição 618 do programa que foi ao ar na última segunda (25). Ao interromper o bloco do programa para apresentar os comerciais, Marcelo fala com naturalidade sobre a morte da menina: “Tem preocupação, acidentes sempre acontecem. A menina morreu, mas tem a festa”, diz Marcelo.

O vídeo com o trecho foi compartilhado pelo apresentador Sikêra Jr.

A edição, na íntegra, está disponível na plataforma Canais Globo, apenas para assinantes do canal. A fala do jornalista acontece a 1:13:54 do programa.

Raquel foi imprensada entre um poste e o carro alegórico da escola de samba Em Cima da Hora, chegando a perder a perna direita durante uma complexa cirurgia. As imagens do local, divulgadas na imprensa, mostram o chão sujo com sangue.

De acordo com informações do portal R7, a menina se encontrava internada em estado gravíssimo e sofreu uma hemorragia interna. Raquel também já tinha sofrido uma parada cardiorrespiratória, além de traumatismo no tórax.

Em uma edição do programa Estúdio I, da própria GloboNews, a jornalista Maria Beltrão, diferente de Cosme, falou com mais comedimento sobre o caso, e exibiu o depoimento da pastora Aline da Mota, amiga da família que se revoltou informando que não estava recebendo o suporte necessário dos responsáveis após a morte da criança.

De acordo com informações da rádio Tupi, o carro alegórico da escola de samba Em Cima da Hora, envolvido no caso, foi apreendido e será periciado.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Em Alta