Se conecte com a gente

Aconteceu

Torcedores que praticarem sexo casual na Copa do Mundo podem enfrentar prisão no Catar

Publicado

no

A Copa do Mundo de 2022 acontece entre os dias 21 de novembro e 18 de dezembro, mas desde o início do ano já está dando o que falar. É que o Catar, país onde o torneiro será realizado, tem certos costumes e regras que proíbem de maneira expressa uma série de práticas. Entre essas práticas, está o sexo fora do casamento, e quem decidir violar essa proibição pode, de acordo com informações do jornal britânico Daily Star, pegar até sete anos de prisão.

“O sexo está muito fora do cardápio, a menos que você venha como marido e mulher. Definitivamente, não haverá sexo casual neste torneio”, disse uma fonte policial ao jornal.

A fonte acrescentou ainda que na realidade, não haverá festa alguma.

Torcedores que praticarem sexo casual na Copa do Mundo podem enfrentar prisão no Catar.

Todos precisam manter a cabeça no lugar, a menos que queiram correr o risco de ficar presos: “Existe essencialmente uma proibição de sexo na Copa do Mundo deste ano pela primeira vez. Os torcedores precisam estar preparados”, afirmou.

Sexo fora do casamento e homossexualidade são ilegais no Catar, e cada um deles acarreta uma pena de prisão de até sete anos.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Em Alta