Se conecte com a gente

Aconteceu

Adolescente larga a escola após conseguir 700 mil fãs no TikTok: “Quem não entende é estúpido”

Kristen Scott, aos 16 anos, decidiu se dedicar integralmente à sua carreira como produtora de conteúdo.

Publicado

no

Há quem garanta que não existe idade certa para investir na carreira profissional de influenciador digital, e que vale a pena cair dentro dessa aventura. Vendo o exemplo de uma galera tão precoce embarcando na vida de produtor de conteúdo digital, isso fica mais evidente. Em uma decisão polêmica, a adolescente Kristen Scott de apenas 16 anos decidiu desistir dos estudos após conseguir alcançar a marca de mais de 700 mil seguidores na rede social chinesa TikTok.

Kristen Scott de apenas 16 anos, largou a escola para se dedicar à vida de influenciadora digital.

Um pouco de sua história é contada no documentário TikTok Queen at Sixteen (Rainha do TikTok aos 16), produzido pela BBC Escócia, onde Kristen diz não entender o porquê de tantas críticas à sua decisão de largar a escola.

“Não entendo porque as pessoas acham que isso (largar a escola) é uma coisa ruim. Eu tenho as minhas qualificações. As pessoas dizem que as redes sociais não vão durar para sempre e que é um idiotice largar a escola. Se não der certo, posso voltar a estudar a qualquer momento”, defendeu ela

Enquanto de sua mãe, Elizabeth, a jovem recebeu apoio para seguir em frente com a ideia, de seu pai enfrentou a resistência da dúvida: “Será que estamos fazendo a coisa certa? Será que não estamos fazendo a coisa certa?”, ponderou ele.

“Ficou bastante claro no início do ano que ela poderia transformar o TikTok em um trabalho. Isso tornou mais fácil a decisão de assinar os papéis para ela deixar a escola”, explicou.

Fãs de Kristen Scott se juntam em shopping para conhecer e tirar uma foto com a celebridade do TikTok.

Embora esteja feliz com a carreira de tiktoker, Kristen contou que é difícil lidar com as críticas que recebe na plataforma. Repercutindo o documentário da BBC, o jornal escocês The Herald destacou uma fala curiosa da jovem, que disse admitir que é preciso ser uma pessoa forte para fazer o que faz.

“Tive que lidar com coisas horríveis desde muito pequena por conta das redes sociais. Se você diz que trabalha com relações públicas ou publicidade, as pessoas pensam que é um trabalho fantástico, mas você diz influenciador e criador de conteúdo, as pessoas acham que é estúpido”, ressaltou.

Ela ainda acrescentou: “Eu consegui fazer minha página crescer muito aos 16 anos… Isso prova que se você agarrar algo e continuar tentando, você vai chegar lá. Tento viver minha vida como o personagem principal e não poderia me importar menos com o que as pessoas pensam de mim. Se as pessoas não gostam, é só não acessar”, completou.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Em Alta