Se conecte com a gente

Tecnologia

Depois de zoar Apple, Xiaomi confirma que Mi 11 também não inclui carregador na caixa

A justificativa é de reduzir o impacto ambiental.

Publicado

no

Foto: Reprodução/Google

Lei Jun, CEO da Xiaomi, confirmou que o Mi 11, próximo smartphone da empresa, não vai incluir carregador de parede, e acabou citandou a mesma justificativa que a Apple apresentou há alguns meses: a de que subtraiu o elemento para diminuir o impacto ambiental.

Uma reportagem do portal The Verge, revelou que Jun publicou na rede social Weibo, que a embalagem do Mi 11 será mais leve e que as anteriores, em resposta ao pedido de proteção ambiental, o carregador não será incluído na caixa.

Apesar de ser um argumento compreensível, a empresa foi uma das que, há alguns meses, debochou da Apple quando a concorrente anunciou que os novos iPhones não incluiriam fones ou adaptadores de tomada.

Samsung também parece seguir a “tendência”

Uma publicação da Samsung feita em outubro, também debochando da Apple, foi apagada há poucos dias. A postagem, feita no dia 13 de outubro, contava vantagem de como os celulares da linha Galaxy vinham com “tudo o que você está procurando”. Segundo a empresa isso inclui “desde o mais básico como um carregador, até a melhor câmera, bateria, desempenho, memória e até tela de 120 Hz”.

Publicação da Samsung debochando da decisão da Apple de não incluir carregador na caixa.

Uma certificação da Anatel indica que o Galaxy S21 também deverá vir sem o item na caixa. Além disso, quem comprar os dispositivos não deverá receber um fone de ouvido gratuito, como já aconteceu no passado. A documentação da Anatel ainda revelou que os celulares deverão se chamar Galaxy S21, Galaxy S21 Plus e Galaxy S21 Ultra. Eles deverão ter baterias de 4.000 mAh, 4800 mAh e 5000 mAh, respectivamente – além de suporte a internet móvel 5G.

 

Publicidade
Click para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade
Publicidade

Em Alta